Cidade amiga do idoso

Cidade amiga
do idoso

Como seria uma cidade amiga do idoso,com Alexandre Silva

Mobilidade e acessibilidadesão grandes desafios.

Calçadas desniveladas, degraus altos na entrada dos ônibus, motoristas que arrancam bruscamente e multidões apressadas precisam ser superados diariamente.

Mesmo no momento de isolamento por coronavírus podemos lembrar como é ser velho e utilizar o transporte público na nossa cidade. Como pode ser melhor?

De quais transformações a sociedadeprecisa para todos vivermos bem no futuro?

Participaram do vídeo:

José Urutau Guajajara

Professor

Helena Theodoro

Filósofa, escritora
e pesquisadora

Cecília Minayo

Socióloga, doutora
em saúde pública
Ensp – Fiocruz

Mirian Goldenberg

Antropóloga, Autora
do livro “Velho é lindo”

Jerson Lacks

Psiquiatra, Especialista
do Alzheimer, IPUB da UFRJ

Angela Castilho

Psicóloga
Ensp – Fiocruz

Wallace Hetmanek

Gerontólogo
UnATI – UERJ

“Uma cidade amiga do idoso éuma cidade para todas as idades”

“Uma cidade amiga do idoso é uma cidade para todas as idades”

Baixe aqui o Guia Global: Cidade Amiga do Idoso, da Organização Mundial da Saúde

Ao compartilhar suas memórias,os idosos transmitem conhecimentoe formam laços sociais e afetivos.

Clique nos objetos para ouvir as histórias.

Ao compartilhar suas memórias,os idosos transmitem conhecimentoe formam laços sociais e afetivos.

Clique nos objetos para ouvir as histórias.

Slide